logo

Seis Formas de Morrer no Texas

  • Home
  • /
  • Catálogo
  • /
  • Seis Formas de Morrer no Texas
pdf Veja por dentro
  • Autor
  • Coleção
  • ISBN 9789895640126
  • PVP 18.79 € (IVA incluído)
  • preço fixo até
  • 1ª Edição setembro de 2020
  • Edição atual 1
  • Páginas 296
  • Apresentação Capa mole
  • Dimensões 153x235x14 mm
  • Disponibilidade
    Disponível
  • Comprar

China, 1984: o coração de Zhou Hongqing é-lhe retirado ainda em vida, na prisão, para ser enviado para um comprador necessitado nos Estados Unidos. A partir desse dia, filho e neto levarão a cabo a busca desesperada pelo hospedeiro desse coração, para que o possam recuperar e devolver ao seu dono, permitindo assim que o seu espírito possa descansar.

Texas, 2017: Robyn, de 32 anos, está no corredor da morte, à espera do dia da sua execução. Cega, acusada de um homicídio que julga ter cometido, acaba por receber os olhos do seu pai, redescobrindo assim o significado do mundo, de si mesma e da relação que tem com o seu passado.

Através das cartas que as personagens trocam entre si, Seis Formas de Morrer no Texas torna-se tanto um documento, real e contundente, sobre a violenta realidade do sistema penal norte-americano e do submundo do tráfico de órgãos, como uma história ousada e visceral que desafia as regras comuns do romance.

«Uma escritora que possui uma capacidade impressionante para descrever a beleza dolorosa que se esconde no inesperado.» 

— El País

 

Marina Perezagua é uma escritora espanhola, nascida em Sevilha em 1978. Tem sido elogiada por leitores e críticos pela sua escrita extremamente visual e desconcertante, que a tornou uma voz única na literatura espanhola contemporânea. Tendo publicado inicialmente os livros de contos Criaturas abisales (2011) e Leche (2013), foi o seu primeiro romance, Yoro, de 2015, que a converteu numa figura consensual entre a crítica. Os seus contos foram publicados em diversas revistas literárias, como Electric Literature, Granta (espanhola e britânica) ou Maaboret (em hebraico).

É licenciada em História da Arte e doutorada em Filologia. Vive em Nova Iorque, onde ensina Espanhol na New York University e noutras instituições. É praticante de mergulho livre e, em 2015, percorreu a nado o Estreito de Gibraltar em menos de quatro horas.

Livros publicados


A Tempestade: Contos Reunidos

    Literatura de alto risco, inquietante, que põe ombro a ombro ideias hipnóticas, terríficas, resoluções devastadoras e momentos de uma beleza estranha e desarmante.

    Yoro

      Yoro é uma odisseia assombrosa pelos lugares mais profundos e negros da mente humana.